John Lennon (Foto: reprodução GloboNews)

Polícia alemã prende suspeito de tentar vender objetos que foram de John Lennon

Agencia EFE

O Ministério Público de Berlim informou, nesta segunda-feira (20), que prendeu em Berlim um homem suspeito de tentar comercializar "valiosos" objetos pessoais que pertenceram a John Lennon.
Os itens, que estavam sob posse da artista Yoko Ono, viúva do ex-Beatle, foram roubados em 2006, em Nova York, nos Estados Unidos.

Em comunicado divulgado pela polícia e pela procuradoria, o porta-voz do Ministério Público de Berlim, Martin Steltner, explicou que os objetos, entre os quais há óculos de Lennon e vários diários escritos pelo músico britânico, foram detectados em Berlim em 2014 e confiscados. A detenção do suspeito, entretando, ainda não havia ocorrido.

O homem, de 58 anos, é investigado por fraude e receptação. Além disso, há um segundo suspeito que se encontra na Turquia e não pode ser detido por enquanto, acrescentou Steltner.
O porta-voz disse ainda que a investigação continua em curso, razão pela qual os objetos confiscados prossegem em poder das autoridades de Berlim.

G1
https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/policia-alema-prende-suspeito-de-tentar-vender-objetos-que-foram-de-john-lennon.ghtml

Outras Notícias

Bon Jovi, Nina Simone e Dire Straits entram para o Hall da Fama do Rock

France Presse A lendária Nina Simone, o grupo americano Bon Jovi e o britânico Dire Straits fazem parte dos escolh...

Samba de Assis é a surpresa de show em que Chico exalta o povo e o artista do Brasil

Mauro Ferreira "Minha embaixada chegou / Deixa meu povo passar / Meu povo pede licença / Pra na batucada desacatar...

Titãs já têm por onde lançar em 2018 o disco com a ópera-rock do grupo

Mauro Ferreira Gravado pelos Titãs desde novembro, o disco com a primeira ópera-rock do grupo paulistano já tem po...

Gravação de 1986, inédita em disco, expõe Cássia Eller em tons de cabaré

Mauro Ferreira Antes de pegar o caminho de volta para a cidade natal do Rio de Janeiro (RJ) na virada dos anos 198...